Loading...
Vigilância Sanitária deve intensificar fiscalização em garrafões de água a partir de janeiro

No período de estiagem vivenciado é intensa a procura por garrafões de água para o consumo humano. Por este motivo, a Vigilância Sanitária da 5º Coordenadoria Regional de Saúde irá a partir de janeiro de 2017 intensificar a fiscalização juntamente ao comércio do produto.

O repórter Otacílio Duarte conversou com o coordenador do setor Manuel Brasileiro que alerta aos comerciantes a necessidade dos garrafões que duram 3 anos estarem dentro do prazo de validades. A ação está sendo divulgada desde outubro e está ligada à Lei do Departamento Nacional de Produtos Minerais em Conjunto com a Vigilância Sanitária de todo o Brasil.



A punição para os comércios que forem flagrados com irregularidades ficará a cargo de cada região. Manuel alerta que caso o comerciante insista na venda deste produto fora da validade poderá responder a um processo administrativo dentro Legislação Sanitária.

A Coordenadoria deseja que neste primeiro momento, a campanha tenha um cunho educativo e possa alcançar o objetivo da fiscalização da água que é consumida na região.



Envie-nos seu comentário: