Loading...
No Santuário de Canindé romeiros fazem experiência com a Misericórdia durante os festejos.
Blog Thumbnail

O ponto de chegada do romeiro em Canindé é a Basílica de São Francisco, monumento construído no século XX. Devotos vindos de várias regiões do Brasil entram, fazem suas orações e ali encontram o santo que fez a experiência com a Misericórdia do Pai, assim logo cada um faz esta mesma experiência ao entrar pela porta central do Santuário, que é uma porta santa aberta por Dom José Antônio no final do ano passado por ocasião do Ano Santo.

Através das confissões que são realizadas na Casa do Milagres, da participação da Santa Missa e de orações os romeiros conseguem a graça da indulgências plenária alcançadas pelo próprio São Francisco a todos as igrejas Franciscanas e também por ocasião do Ano da Misericórdia.

Durante todo este ano, toda a família Franciscana celebra os 800 anos do Perdão de Assis, sendo assim os romeiros e devotos se sentem mais motivados a busca de experimentar e ser misericórdia para com os outros.

O Guardião do Convento de Santo Antônio e vigário provincial, Frei Sérgio Moura, OFM conversou conosco sobre esta oportunidade no Santuário de Canindé.



Colaborador: João Pedro Martins

Fotógrafo a serviço do Santuário de São Francisco das Chagas.

Envie-nos seu comentário: